7.10.07

A Segunda Vida do Fado

Tudo começou com um menear de ancas!
Pois, a Mariza lembrou-se um dia de balançar o corpo enquanto cantava, "saiu-lhe a música pelo corpo"... renegou a postura sofrida de Amália, as mãos retorcidas de Teresa Salgueiro, e... balançou!
Carlos Saura, rapaz experiente e atento a este tipo de balanços, esfregou as mãos e terá pensado: "Temos filme!"
Aconselhado por Carlos do Carmo e Rui Vieira Nery, Saura pôs mãos à obra e juntou as peças de um megapuzzle, o das raízes e ligações do Fado, a "triste música portuguesa". Saura terá descoberto que o mais importante seria acrescentar uma nova dimensão ao Fado: o Movimento.
E o Fado saltou dos postais ilustrados pirosos e do Museu da Amália para o corpo de bailarinos mestiços e longilíneos. Saltou das ruas de Alfama para a Cidade da Praia, para o Rio de Janeiro ou para a Andaluzia. Saltou dos trios estáticos (guitarra portuguesa, fadista, guitarra clássica, por esta ordem) para cenários dinâmicos, de formas ondulantes, como o Mar. Saltou da "nomenklatura" lisboeta para um fluxo de lugares e de culturas.
Com alguns erros de casting pelo meio (como um Caetano Veloso esganiçado), Saura conseguiu realizar um filme sobre o Fado, que o transporta (ao Fado) muito para além dos seus estereótipos. Tudo por causa de uma nova dimensão: o Movimento! Tudo por causa de um menear de ancas da Mariza!

Se o Fado fosse a Web, e se Saura fosse a Linden Lab, o que terá acontecido com Second Life terá também sido a descoberta de uma nova dimensão: o Movimento! Resta saber... quem terá meneado as ancas em 2003 na Califórnia...

1 comentário:

Hugo Jorge disse...

A AIDGLOBAL apresenta o espectáculo de solidariedade O FADO ACONTECE que decorrerá no dia 10 de Novembro, pelas 22h00, no Forum Lisboa. Celeste Rodrigues, Raquel Tavares, Ana Sofia Varela, Sofia Amendoeira, Hélder Moutinho, Ricardo Ribeiro, Artur Batalha, Luís Pinheiro, Luís David. Mais informações em www.aidglobal.org