15.12.08

'Home'...less!


A Sony lançou, por fim, a versão beta de 'Home', o tão propalado 'ambiente' online para consolas PlayStation 3 que pretende rivalizar com Second Life.

Antes de ter oportunidade de experimentar o 'novo' produto da Sony para PS3, fica apenas um simples raciocínio que me faz prevêr enormes dificuldades em comparar 'Home' com 'Second Life' (tanto o produto, quanto o mercado-alvo, os objectivos, etc...):

> a utilização de um produto com objectivos semelhantes em PC's e TV's (consolas) é um engano, como o provaram as apostas (falhadas) na i-TV: o PC é 'coisa' pessoal, a TV é 'coisa' social

> os 'mundos virtuais' do tipo Second Life são predominantemente utilizados por indivíduos que, no momento da utilização, estão sózinhos, isto é, que não partilham a máquina (PC) com outras pessoas (familiares, amigos, ...)

> a vivência, mais ou menos 'imersiva', em 'mundos virtuais' do tipo Second Life pressupõe uma atitude 'de trabalho' muito aproximada fisicamente do monitor, que exige concentração e não compatível com ambientes dispersores

> os 'jogos' para consolas são, potencialmente, pensados para 'a família', uma vez que se ligam ao dispositivo mais 'social' de uma habitação: a TV

> os 'jogos' para consolas pressupõem uma atitude relaxada, distanciada do monitor, e que convive com o que se passa à volta do 'jogador' numa sala de estar, de jantar ou num quarto

> Home é 'coisa pública' (apesar do nome), Second Life é 'coisa privada'...

Veremos o que 'Home' nos reserva, prevendo novidades qualitativas nos gráficos e dificuldades na velocidade de ligação.

3 comentários:

António Lopes disse...

Para complementar:

http://nwn.blogs.com/nwn/2008/12/why-sony-home-w.html

Rui Clary disse...

A Sony refere-se ao HOme como um Mundo virtual em 3d para fornecer capacidade de comunicação aos utilizadores da Playstation bem como vender jogos ou artigos PS ou mesmo jogar mini-jogos.
Algumas reviews como da BusinessWeek referem-se ao sistema home como uma rede social em 3d para utilizadores da PS.
Não creio no entanto que a Sony tenha objectivo de rivalizar com sistemas como o SL...
A Playstation da Sony é um sistema mainstream com milhões de utilizadores e o objectivo final e "core business", é a venda de jogos. É um negocio "Galácticamente milionário", e creio que bastava metade dos lucros de um Jogo fora do Top 10 para comprar a "Linden Lab, Second Life e arredores"
A Linden Lab "vive" da venda/aluguer de espaço em servidor(Terrenos virtuais), bem como venda de serviços Premmium, e transacções de moeda virtual.
Em termos de usabilidade o Home tem à partida uma vantagem que é o fabuloso motor 3d da playstation.
O Second Life continua a ser o campeão de conteúdos criados pelo utilizador, que a meu ver, é a característica que lhe dá mais visibilidade, originalidade, genialidade, e interesse.

Abraços

Rui

Paulo Frias disse...

Boa, Rui ;)

Ab