9.2.08

Cheguei ao Futuro!


Que 'ilha' é esta em Second Life?

Foi há minutos que senti que cheguei ao futuro!

Com a ajuda e a amabilidade da Diva Canto aka Crista Lopes, aventurei-me a visitar a opensim a correr num servidor da Universidade da Califórnia em Irvine, mais concretamente num PC que está por baixo da secretária da Crista!

Configurado o 'Destino' no meu portátil, 'aterrei' aterrado directamente na 'ilha' isolada onde estava a Crista à minha espera.

Surpresa das surpresas: fiz o meu login com os dados que utilizo no SL 'normal', o que era suposto não funcionar.
Resultado: o PalUP Ling chegou à opensim da Crista na 'pele' de um avatar que, por defeito, tinha um pequeno problema de género! Por fazer estava todo o trabalho de 'Edit Appearance' que não me dei ao trabalho de concretizar nesta primeira visita.

Para verificar a surpresa do login, saí e voltei a entrar com o nome e a password que a Crista me tinha reservado:

Agora sim, o Paulo Frias (figura ainda andrógena) estava pela primeira vez na opensim de Irvine!

Um dos problemas detectados (além de uns pequenos bugs comportamentais...): o 'inventory' do PalUP Ling não 'veio junto' (está 'lá' nos servidores da LL). Ou seja, senti-me 'vazio(a)' de conteúdos! A Crista garantiu-me que, para breve, este problema será resolvido! E eu acredito...

Feita a bizarra descrição da visita, poderão perguntar o que significa esta aventura...
Qual o interesse de visitar a opensim da Crista?
A Crista Lopes resumiu a resposta da melhor maneira:
"Isto é o futuro. Agora já podemos falar em Web 3D!"


Resumindo, quem dispõe de um servidor e quiser criar a sua sim separada da maingrid da Linden Lab, gratuitamente, pode fazê-lo sem grande esforço!
Isso permitirá que, dentro de pouco tempo, empresas, instituições de ensino ou indivíduos possam utilizar Second Life nos seus próprios espaços e sem 'comprarem' o aluguer e a manutenção dos servidores à LL! No limite, cada um de nós poderá criar o 'seu próprio espaço' numa rede 3D que, previsivelmente, crescerá exponencialmente (tal como a Web).

Ou então, e talvez porque a Crista Lopes é portuguesa e hospitaleira, podem começar por visitar a sua opensim da seguinte forma:
1. Criar uma cópia do atalho de Second Life (versão normal ou WidLight, Release Candidate não)
2. Dar um novo nome ao atalho (por exemplo Second Life for Tagus)
3. Right-click / Propriedades / Destino: C:\Programas\SecondLife\SecondLife.exe -loginuri http://tagus.ics.uci.edu:9000
4. Abrir o novo atalho e... 'aterrar' na opensim da Crista Lopes

É simples, e uma experiência muito curiosa.
Deixa-nos com a sensação que... chegámos ao futuro!
Boa viagem!

4 comentários:

Jao Markstein disse...

realmente fantástico... poder criar o meu mundo, à minha medida, sem gastar dinheiro, e pode convidar os amigos para cá virem....
web 3d, venha ela depressa.
parabéns crista por todo o trabalho que tens tido.

Frohiky Larsson disse...

novo conceito de website ? web 3.0 :)
adeus youtube e afins!

Zuis Mertel disse...

ja agora espreita http://openlifegrid.com/
e em breve teremos servidores Locais.

Marga Ferrer disse...

A Diva Canto esteve na Academia Portucalis, o ano passado, a ensinar-nos a utilizar o SLBrowser (continua a ser uma ferramenta excelente, mesmo depois do novo "search" dos LL).

Na altura percebeu-se bem que Diva Canto não ia parar! Falou-nos de vários projectos.. uns ainda em ideia e outros em teste.

Este que contas, PalUP, é mesmo fantástico!